Presente - 2007

Sempre ao lado dos visionários do futuro.

2020

Aquisição de dois negócios para consolidar a nossa posição no mercado na Austrália; Sylvania, uma empresa líder em iluminação exterior e Austube, uma referência em iluminação interior. Agora conhecidas como Sylvania Schréder e Austube Schréder, estão alavancando experiência e tecnologia para trazer inovação para os nossos clientes.

2019

O nosso Centro de Excelência para Smart City, Schréder Hyperion, é fundado em Lisboa.
Localizado em Carcavelos,  no campus universitário da Nova Business School and Economics (Nova SBE), este centro fornece às cidades informações práticas, formação e soluções, para facilitar a transição para uma infraestrutura urbana mais inteligente e sustentável.

2018

Com mais de 2.000 luminárias instaladas nas unidades industriais da The Navigator Company, a Schréder assume um papel de relevo no segmento da Iluminação industrial.

xx

2017

Reino Unido: Schréder ganha um prémio Smart City em Londres, refletindo como a tecnologia de iluminação inteligente é fundamental quando se trata de permitir a conectividade na cidade de amanhã.

xx

2016

Lançamento do Owlet IoT: uma plataforma de controlo plug and play que conecta luz, sensores e infraestrutura urbana.

2016

Por ocasião do 100º aniversário e da visita do Papa Francisco a Diocese de Fátima remodelou a iluminação cénica do Santuário. A Schréder forneceu as luminárias.

xx

2015

A Schréder é a primeira a criar uma luminária interativa que permite conectividade WiFi, carregamento EV e outras opções, aproximando as pessoas umas das outras e do seu ambiente.

xx

2012

Estados Unidos: A Schréder inaugura uma década de conectividade em iluminação com a instalação de 22.000 controladores LuCo-PD em San Jose, Califórnia.

2011

Primeiro Centro Histórico totalmente iluminado com LEDs associados a um sistema de telegestão. A luminátia escolhida é a RIVARA desenhada pelo gabinete ECLIPZ, desenvolvida e produzida pela Schréder, em Carnaxide.

xx

2010

Geração LED: desenvolvimento de uma gama completa de luminárias LED.

2007 - 1985

Parceiros em cidades de todo o mundo.

xx

2007

Croácia: No arranque da Geração LED, a Schréder instala LEDs num enquadramento urbano - uma estreia mundial num contexto de iluminação urbana, uma estreia mundial em Split, a segunda maior cidade da Croácia ao longo do Mar Adriático.

xx

2002

Itália: A Schréder ilumina o Coliseu de Roma e otimiza a fotometria ao longo dos anos 2000.

xx

2001

Expansão estratégica: A Schréder expande-se para novos mercados através da aquisição de negócios na Alemanha, Suíça, Áustria e África do Sul para consolidar a sua posição na Europa e nos mercados emergentes.

1998

Em 1998 a Schréder ilumina grande parte dos acesso construídos para a EXPO 98, incluindo a Ponte Vasco da Gama, até então a mais longa construída na Europa.

Channel Tunnel Lighting

1994

Como reconhecimento da sua experiência em engenharia, a Schréder foi selecionada para iluminar o Túnel do Canal da Mancha: 35.000 luminárias no túnel que liga o Reino Unido à Europa

xx

1993

França: A Schréder associa-se ao arquitecto Jean-Michel Wilmotte para iluminar os Campos Elísios, marcando uma entrada bem-sucedida no mercado do design que define a iluminação ao longo dos anos 90.

1985 - 1958

Atitude expansionista a empurrar limites globais

xx

1985

A Schréder revoluciona os níveis de estanquicidade a longo prazo ao inventar o sistema SealSafe®.

xx

1976

Equador, Bolívia: depois de se estabelecer na Colômbia em 1955, a Schréder continua a alargar horizontes geográficos e entra nos mercados equatoriano e boliviano.

1973

Mudança para instalações próprias, em Carnaxide.
Serviços Administrativos + Produção.

xx

1972

A Schréder lança a Saturno, anunciando futuras gamas de iluminação urbana através do acoplamento de fotometria e design.

xx

1970

A Schréder introduz a gama Z, marcando o início dos padrões de estanquicidade para água e poeira em toda a indústria com mais de 2 milhões de modelos vendidos.

xx

1969

A Schréder funda Minel-Schréder, a primeira joint venture com um parceiro local, na Yugoslávia, antes de se expandir para outros países da Europa Oriental.

xx

1960

França: A Schréder ilumina o aeroporto de Paris Orly à medida que o boom da aviação decola, incluindo o anel principal e as vias de acesso.

1958 - 1907

A explorar a energia desde o início do séc. XX

1958-schreder_005.jpg

1958

Feira Mundial de Bruxelas: Dada a sua experiência em trabalhar com alumínio, a Schréder é chamada a polir o aclamado Atomium de Bruxelas, desempenhando um papel fundamental na criação da estrutura para a Feira Mundial, a chamada Expo 58.

1956

A Schréder iluminação, à altura Construções Elétricas Schréder inicia a sua atividade em Portugal.

xx

1953

Primeiro laboratório a nível mundial com um refletómetro de dois ângulos que permite à Schréder medir as caraterísticas das superfícies das estradas de modo a distribuir a luz da forma mais eficiente possível. Isto fez da Schréder uma pioneira nos cálculos de iluminação de luminância.

xx

1951

França: A primeira expansão da Schréder fora da Bélgica e o ano em que desenvolve a icónica luminária da gama PQ com refletores de alumínio eletropolido

xx

1933

Bélgica: A Schréder lança a sua filial de iluminação industrial nos arredores de Liège, o centro histórico da revolução industrial da Europa e que já foi palco de múltiplos gigantes do aço e do carvão.

xx

1923

Bélgica: A Schréder desenvolve uma série de tecnologias eletrónicas, incluindo caixas e quadros eletrónicos.

xx

1907

Bélgica: Oficinas de Jules Schréder and Co. fundados no meio da primeira revolução industrial.